conflitos

Conflitos

Os conflitos são situações em que duas ou mais pessoas entram em oposição ou desacordo, por terem interesses, necessidades ou valores que são divergentes ou incompatíveis. O conflito é um fenômeno natural e reflete a existência de diversidade e pluralidade.

O que define o conflito como destrutivo ou construtivo é a nossa maneira de lidar com ele. Numa disputa é comum tratar a outra pessoa como adversária, infiel ou inimiga. Cada uma das partes da disputa tende a concentrar todo o raciocínio e atenção na busca de novos dados para reforçar a sua posição na tentativa de enfraquecer ou destruir os argumentos da outra parte. Esse estado emocional estimula as polaridades e dificulta a percepção do interesse comum. A presença de um elemento neutro e facilitador, pode ajudar a interromper uma relação disfuncional, criar novos caminhos de resolução pacífica e restabelecer uma comunicação mais eficaz.

Quando um conflito é bem resolvido, constatamos os seguintes benefícios: rompe a paz podre e rotinas disfuncionais, desafia o conformismo e acomodação, “ esvenda problemas escondidos, liberta a relação de mal entendidos e ressentimentos, reforça a confiança e a coesão de grupo, estimula a criatividade para soluções originais e pode produzir mudanças significativas para o desenvolvimento pessoal, grupal ou familiar” (Vasconcelos, 2008).

Casais: dificuldades de comunicação, de intimidade e resolução de conflitos, perda de confiança, co-dependência.
Equipas: dificuldades de comunicação e assertividade, confusão de papéis e ambiguidade nas funções e nos objetivos. Clarificação de valores, visão e pontos fortes complementares, alinhamento e reformulação da missão e do projeto conjunto.
Famílias: Consciencialização de padrões de relacionamento e de comunicação disfuncionais, clarificação e expressão assertiva de necessidades e emoções, definição de limites e consensos sobre o bem comum.

Informação sobre Consultas

  • Este campo é para efeitos de validação e deve ser mantido inalterado.